domingo, 25 de abril de 2010

Stephan's Quintet


(foto da galera "Stephan's Quintet" por Hubble..rs)

Astronomia é para mim mais que uma religião, é mais que meditar, mais que poesia...
Quando estou desesperada (pior sentimento do mundo). Quando quero fazer sentido (coisa impossível). Quando vejo gente séria (quando eu estou séria!), sabendo que ser sério não existe. Quando estou "trabalhando"!?! Quando acho que sou mais inteligente que os outros, quando me sinto mais burra que os outros. Penso no tempo, e que ele não é nada para nós além do que percebemos dele, e que o que percebemos dele é que ele é tudo para nós, mas ele na verdade não deve existir. Provavelmente é só o que percebemos dele e nem tudo o que percebemos é verdade. Então pergunto: o que é um pensamento em comparação ao sol? Não sei... penso no infinito e fico mais leve, como se eu não fosse nada, o que provavelemente é verdade e isso faz com que eu sinta menos responsabilidade sobre tudo. Quem tem responsabilidade sobre o sol, sobre os sóis e tudo mais???...

4 comentários:

  1. Compartilho do seu sentimento.

    Não da mesma forma, claro! Sint uma insignificancia com um tom de sincronicidade com o cosmo.

    Isso me bateu, acredite ou não, nostalgicamente vendo Cavaleiros dos Zodíacos e hoje, vendo a Lua crescente em uma noite fria de outono.. um céu incírivel!

    Grato pela lembrança =)

    ResponderExcluir
  2. Todos temos estratégias para poder "respirar" melhor...

    Beijo :)

    ResponderExcluir